Programa Primal de Verão – Dia 7

Sim, hoje completamos uma semana de desafio! Para quem tem seguido todos os dias, eu gostaria de saber: como estão se sentindo? Alguma dificuldade? Pontos positivos?

Se você acabou de chegar… não tem problema! Ainda temos 16 dias pela frente, que garantirão bons resultados até o Natal.

Vamos as dicas de hoje:

Exercício do dia

Como pegamos pesado ontem, hoje é dia de relaxar!! Isso mesmo, hoje não vamos fazer nenhum exercício. Nossos músculos precisam de repouso e se você não tinha uma rotina de exercícios antes, pode estar um pouco fadigado. Por isso, não sinta-se culpado em não fazer nada hoje e aproveite!

Sugestão do dia

Hoje vou dar uma sugestão que, na verdade, só será útil amanhã. Estou falando do café da manhã, esta refeição tão importante e que muitas vezes é ignorada. Algumas pessoas não sentem fome logo que acordam e outras não conseguem começar o dia sem antes comer alguma coisa. Seja qual for a sua preferência, o importante é fazer as escolhas certas para que você obtenha os melhores benefícios em termos de energia e produtividade. Aqui vão algumas sugestões para o café da manhã primal:

 

  • Omelete: um bom omelete, com o recheio de sua preferência (queijo, azeitonas, tomate, atum…) é uma boa opção para começar a manhã. Os ovos são ricos em proteína e gordura, e darão conta da sua fome por bastante tempo.
  • Tapioca: eu sempre gostei de tapioca, mas desde que adotei o estilo de vida primal, ela se tornou um must have na minha cozinha! As variações de recheios são imensas (experimente com geléia sem açúcar ou cacau em pó + manteiga.. hmmm), e é um bom substituto para o tradicional pãozinho. Afinal, você ainda estará consumindo um carboidrato, porém de maneira bem mais saudável.
  • Salada de frutas: é sempre bom começar o dia com uma refeição cheia de vitaminas e antioxidantes. Fique atento apenas ao tamanho da porção, pois uma quantidade muito grande de frutas tem uma dose alta de frutose, o que pode gerar uma resposta na producão de insulina, o que não é bom.
  • Panqueca de coco: um dos meus preferidos logo cedo! Dica: substitua o coco por amêndoas moídas, fica muito bom.

  • Suco verde: embora o consumo de sucos não seja recomendado aqui (um copo de suco contém altas doses de frutose, já que são necessárias muitas frutas para se fazer um suco, portanto, muitas vezes você acha que está tomando algo saudável quando na verdade está injetando uma boa dose de açúcar na sua corrente sanguínea) o suco verde é mais como uma salada batida. Os vegetais ajudam a diminuir o índice glicêmico da bebida, sendo uma boa opção para a manhã. Bata 3 folhas de couve manteiga ou qualquer folha verde escura, uma maçã, uma banana, 3 tâmaras e 2 col. de linhaça. Fica muito bom!!

Gostaram das dicas?? Até amanhã!

Na Cozinha: Escalopes à italiana

Eu sei que as receitas são um pedido constante aqui no blog, e por isso vou me esforçar para atualizar esta seção semanalmente, ok? E para compensar a ausência, essa semana vou postar duas receitas!!

Esta receita é bem simples, mas muito saborosa, boa para dar um toque especial ao seu almoço ou jantar do dia a dia.

Escalopes à italiana

*serve 4 pessoas

Ingredientes

5 col. sopa de manteiga

4 escalopes de filé mignon (pode usar maminha, também fica bom)

1 cebola,cortada em 8

2 dentes de alho, amassados

4 batatas grandes, cortadas em cubos

1 lata de tomates pelados (eu uso esta aqui)

150 ml de vinho tinto

300 ml de caldo de carne

4 tomates, sem pele e sem sementes, cortados em cubos

2 col. sopa de manjericão picado

25g de azeitonas pretas, sem caroço

sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:

1) Aqueça a manteiga numa frigideira grande, em fogo médio, junte as batatas em cubos e cozinhe durante 5-7 minutos, mexendo frequentemente até que elas fiquem douradas. Retire as batatas da frigideira e reserve.

2) Coloque os escalopes numa frigideira e deixe cozinhar durante 2-3 minutos de cada lado, até selar a carne. Retire da frigideira e reserve.

3) Em uma panela, junte as cebolas e o alho e salteie durante cerca de 2-3 minutos. Junte os tomates pelados e cozinhe durante 1 min, mexendo. Gradualmente, vá juntando o vinho e o caldo de carne, mexendo constantemente para fazer um molho suave.

4) Ponha de volta a carne e as batatas na panela, junte os tomates, as azeitonas e o manjericão picado e tempere a gosto com sal e pimenta.

5) Transfira para uma caçarola grande, ou uma assadeira alta coberta com papel alumínio, e leve ao forno previamente aquecido à 180°C, durante cerca de 1h ou até que as batatas e a carne estejam bem cozidas.

Deve ficar algo mais ou menos assim.

6) Transfira para 4 pratos previamente aquecidos, guarneça com manjericão e sirva!

Gostaram?? Fica parecendo um prato de bacalhau.. Deixem comentários!

beijos

Na cozinha: nova receita de abacate com óleo de coco e cacau

Postei a um tempo atrás a receita de creme de maracujá com abacate, que costumo comer quase todos os dias. No entanto, costumo fazer algumas variações dessa receita e ultimamente a que eu tenho mais gostado é essa que irei descrever.

Troquei o suco de maracujá pelo suco de uva, o que deixa o creme menos ácido, e adicionei óleo de coco, que é rico em gorduras saturadas (95%), o que  aumenta a variedade de gorduras da nossa receita, nos deixando mais satisfeitos e saciados. Além disso, adicionei  um pouco de cacau em pó, o que dá aquele toque especial e nos fornece proteínas e gorduras (saturada e monoinsaturada) de alta qualidade.

Esta receita, para mim, é ótima na proporção dos macronutrientes – 70% gordura, 10% proteína e 20% de carboidratos aproximadamente – o que torna ela deliciosa. Lembrando: nossos ancestrais e mais de 94% das tribos indígenas  atuais aproximadamente consomem, no mínimo, 40% dos macronutrientes em forma de gorduras seguindo a ordem: Monoinsaturadas, saturadas e poliinsaturadas (Omega 6 e 3 de proporção 2 para 1, aproximadamente).

Novamente, devo confessar que eu não gostava de abacate até conhecer essa receita, que mudou de vez minha opinião! O abacate é uma fruta muito saudável, rico em gorduras monoinsaturadas e ácido oléico, que aumentam o nível de HDL no seu sangue.Ótimo para fazer durante a tarde! Bom, vamos aos ingredientes:

1 abacate do tipo avocado (é o meu preferido, mais docinho e saboroso! Mas dá pra fazer com o abacate manteiga também)

250 ml de suco natatural de uva, ou suco de uva tinto (nada de suco de caixinha em)

2 colheres de sopa de óleo de coco

2 colheres de sopa de cacau em pó.

1 col. de sopa de mel, ou 1 tâmara.

Modo de preparo: bata tudo no liquidificador e sirva!

É isso!!

Rápido, fácil, delicioso e saudável!

Na Cozinha: Mousse de Chocolate Primal

Hoje é feriado, eba!!! Dia de dormir bastante, se exercitar e por que não, se aventurar na cozinha? E nada melhor e mais gostoso do que uma boa sobremesa, que seja saudável e que não nos deixe com peso na consciência né?

Assim que vi essa receita, corri para o supermercado e fui testar em casa… e olha, ficou muito melhor do que eu imaginava!  Os ingredientes são bem simples, o truque está no modo de preparo. Infelizmente não tenho fotos da minha receita feita em casa, mas vou colocar as da receita original. Vamos lá.

Ingredientes

– leite de coco natural, de 1 coco seco

– 100g de chocolate meio amargo (eu uso o com 70% de cacau)

Rendimento: 2 porções

Modo de preparo – leite de coco

Descobri como fazer leite de coco natural no site da Pat (link aqui). É super simples. Eu prefiro comprar e ralar o coco eu mesma, mas funciona bem com o coco ralado natural também (nada daqueles prontos que encontramos hein?)

Aqueça uma parte da casca do coco seco (pode colocar o coco na chama do fogão que dá certo), que é o onde você vai fazer o furo. Depois que já estiver quente, pegue uma faca com ponta e faça um furo na casca. Vire o coco sobre um copo, e deixe sair toda a água do coco. Reserve.

Agora é só quebrar o coco. Você pode apoiá-lo sobre um pano de cozinha, e quebrar com o martelo. Ou você pode seguir o meu método, que é um pouco tosco, mas funciona super bem! Eu coloco o coco num saquinho de plástico, dou um nó no saco e vou para a escada de emergência do meu prédio. Jogo o coco na escada e ele quebra facilmente. Aí é só abrir o saquinho e pegar os pedaços de coco, que já terão se soltado da casca grossa.

Coloque a carne do coco no liqüidificador e bata junto com a água de coco que ficou separada. Depois é só coar com uma fralda de algodão, espremendo-o até sair todo o leite. Pronto! Está feito o leite de coco! O coco ralado que sobra do processo, eu uso para fazer a panqueca de coco.

Modo de preparo – Mousse

Coloque o leite de coco preparado acima em um recipiente e deixe na geladeira por várias horas (eu normalmente deixo durante a noite, mas acho que de 4 a 6 horas já está bom). O que acontece é que a gordura do coco sobe, formando algo como um creme de leite de coco! Mais ou menos assim:

Retire esta parte com uma colher e bata na batedeira até ficar com a textura aerada de chantilly. O líquido que sobra você pode usar em vitaminas, bater com frutas ou mesmo tomar puro.

Enquanto isso, derreta a barra de chocolate em banho maria. Adicione o chocolate derretido ao creme de coco batido.

Pronto! Está feito o mousse de chocolate! Você pode deixar na geladeira para ficar um pouco mais duro, ou pode comer assim mesmo. Eu garanto que fica delicioso de qualquer jeito!

Testem e me digam se deu certo!

Na Cozinha: Sopa de abóbora moranga com coco

Oba! Mais uma receita gostosa por aqui! Prometo atualizar esta seção mais vezes… A receita de hoje é prática e rápida. Eu sou uma grande fã de sopas, tomo até no verão! Acho que é uma ótima opção quando temos poucos ingredientes e queremos uma refeição nutritiva e rápida.

Ingredientes

– 400g de abóbora moranga sem casca (aprox. 1/4 da moranga)

– Coco ralado à gosto

– 3 col. de óleo de coco

– queijo meia cura em pedaços (opcional)

– manteiga, cebola e alho para refogar

 

 

 

 

 

 

 

 

Aqueça a manteiga em um panela e acrescente a cebola e o alho. Descasque a moranga, corte-a em pedaços e coloque na panela também. Adicione água o suficiente para cobrir as abóboras e deixe cozinhar até que a abóbora fique bem macia.

Bata tudo no liquidificador. Depois, acrescente o coco ralado.  Coloque uma colher de óleo de coco no prato fundo ou no bowl que for servir a sopa, e ponha a sopa por cima, fazendo com que o óleo derreta! Se quiser, coloque pedaços de queijo meia cura por cima, fica uma delícia!! Eu gosto muito do mix de sabores desta receita, ela fica levemente doce e o queijo combina perfeitamente.

 

 

 

 

 

 

 

 

Aliás, este queijo é uma história a parte… eu encomendei o meu com o Bruno, do blog Salão do Queijo. Ele trouxe os queijos artesanais de minas, feito com leite cru e preparo artesanal! É simplesmente maravilhoso! Em breve falarei mais sobre os queijos dele.

 

 

 

 

 

 

 

 

Gostaram??

Na Cozinha: Panqueca de Coco

Hmmmm… essa receita eu inventei há pouco tempo, mas já estou viciada!! Na minha transição para a alimentação Primal, o mais difícil de eliminar foi o pãozinho no café da manhã! Eu sempre gostei de algo quente e que me alimentasse logo cedo, mas o omelete tradicional me parecia um pouco enjoativo… por isso, resolvi testar essa receita e deu super certo! O segredo aqui é colocar bastante coco, porque assim o gosto do ovo fica bem suave (o gosto forte do ovo é justamente o que eu não gosto de manhã!).

Ingredientes:

– 1 ovo (orgânico, de preferência)

– aprox. 5 col de sopa de coco ralado

Modo de preparo:

 Bata o ovo com um batedor de ovos ou com um garfo.

Adicione o coco e misture.

Se a mistura ficar muito líquida, coloque mais coco.

 

Aqueça uma frigideira com manteiga ou óleo de coco, e com uma colher ou uma concha pequena, coloque um pouco da “massa” no centro da frigideira. Espalhe para ficar com a forma redonda. Quando as bordas começarem a soltar, vire a panqueca. Eu gosto de fazer uns furinhos na massa enquanto a massa cozinha e apertar com a espátula, para cozinhar bem o ovo que tem dentro. (A clara do ovo mal cozida não é legal e pode te dar dor de barriga)

Pronto! A receita faz duas panquecas.

Toppings:

Você pode colocar diferentes toppings na sua panqueca. Eu gosto de colocar mel e canela, blueberries (como a da foto), morangos, bananas ou até derreter um pouco de chocolate meio amargo e colocar por cima!

Façam e me contem se gostaram!

Na Cozinha: Creme de abacate com maracujá

Mais uma nova categoria aqui no blog, desta vez sobre uma coisa que eu adoro: cozinhar!! E para começar com o pé direito, vou compartilhar com vocês uma receita que eu AMO e que faço quase todos os dias, o creme de abacate com maracujá!

Devo confessar que eu não gostava de abacate até conhecer essa receita, que mudou de vez minha opinião! O abacate é uma fruta muito saudável, rico em gorduras monoinsaturadas e ácido oleico, que aumentam o nível de HDL no seu sangue. Além disso, por ser rico em gordura o abacate dá a sensação de saciedade e evita que você fique beliscando porcarias por aí. Ótimo para fazer durante a tarde! Bom, vamos aos ingredientes:

 

 

 

 

 

1 abacate do tipo avocado (é o meu preferido, mais docinho e saboroso! Mas dá pra fazer com o abacate manteiga também)

250 ml de suco natural de maracujá (nada de suco de caixinha hein!)

1 col. de sopa de mel

Modo de preparo: bata tudo no liquidificador e sirva!

É isso!!

Rápido, fácil, gostoso e saudável!

20110920-072251.jpg

%d blogueiros gostam disto: